Palestrante


 

Bruno Flora Silva, executivo de vendas na Trend Micro, com 10 anos de expertise em TI principalmente em Segurança da Informação, Redes, Infraestrutura e Nuvem. Responsável pelo atendimento das principais contas nas verticais de Governo, Industria, Varejo e Finanças.


 

Clarissa Luz é especializada em Direito da Tecnologia, Proteção de Dados e Propriedade Intelectual pela University of California, Berkeley ‘17; em Direito da Propriedade Intelectual pela FGV-SP; em Direito Internacional pela The Hague Academy, Holanda; com graduação pela PUC-Rio. Diretora Executiva da Berkeley Law Society – Tech Innolab. Morou no Vale do Silício em 2017, onde atuou como Legal Fellow para o California Lawyers for the Arts.

Co-fundadora da Comissão de Estudos da Legislação em Empreendedorismo Criativo e Startups da OAB SP – Pinheiros. Membro do Blockchain@Berkeley. Membro do Cybersecurity Group do Fórum Brasileiro de IoT. Líder da Comissão de Estudos da Regulação de Proteção de Dados da AB2L. Jurada do Banco Inter-Americano de Desenvolvimento (BID) na premiação anual para Startups Latam (Washington/2016 e Miami/2017) e jurada do MIT Inclusive Innovation (2018 e 2019). Mentora jurídica de diversas associações. Fundadora do Elas_inTech, movimento para a inclusão de mulheres na tecnologia.

 


 

Luis Fernando Prado Chaves, CIPP/E, é sócio responsável pela área de Direito Digital, Privacidade e Proteção de Dados do escritório Daniel Law. LLM em Direito Digital e Sociedade da Informação pela Universidade de Barcelona. Pós graduado em Propriedade Intelectual e Novos Negócios pela FGV DIREITO SP. Professor convidado do curso Data Protection Officer da FGV DIREITO RIO. Coautor dos livros “Comentários ao GDPR” e “LGPD Comentada”, ambos da editora Revista dos Tribunais. Foi pesquisador externo do Grupo de Ensino e Pesquisa em Inovação (GEPI) da FGV DIREITO SP, onde participou das contribuições ao Anteprojeto de Lei sobre Proteção de Dados (Ministério da Justiça), que resultou na LGPD.

 


 

Isabella Becker é gerente da área de Cyber Security e Privacidade da KPMG do Brasil, contando com experiência na liderança de projetos de LGPD e Assessment de Privacidade. Conta com experiência em treinamentos de equipes para data mapping e gestão de projetos de proteção de dados.

Advogada formada pela FGV/SP com experiência em Segurança Cibernética – domínio de habilidades proativas em cybersegurança, criação e manipulação de AVATARs na Deep / Darkweb, elaboração de relatórios de risco de segurança. Análise de fraudes e descobertas de novos métodos de fraudes forcada no mercado brasileiro, atuação em consultoria em Israel de cybersegurança e privacidade.

 


 

Dirceu Lippi Neto é Gerente de Produtos de Cibersegurança, atuou no desenvolvimento e execução de projetos de alta complexidade em segurança da informação, resposta a incidentes e proteção de dados nas maiores empresas do país. Atualmente é responsável pelo desenvolvimento de novas soluções e serviços integrados de cibersegurança.

 


 

José Alejandro Bermúdez, partner at Bermudez Durana Abogados (Colombia) and Managing Director, Latin America at Nymity.

José Alejandro was the inaugural Deputy Superintendent for the Protection of Personal Data in Colombia where he charted a path for Latin American data protection as the promoter of the Colombian Accountability Guidelines published by the Superintendency of Industry and Commerce (SIC).

As a member of the Governmental commission appointed to draft the Colombian Data Protection Law and its secondary regulations, José Alejandro helped shape the data protection regulatory landscape in Latin America. He was an ad-hoc observer to APEC’s Privacy Subgroup and the OECD Working Party on Information Security and Privacy in the Digital Economy, a member of the Colombian OECD Accession Mission (privacy and digital economy), and served as a member of the Executive Committee of the Ibero-American Network of Data Protection (RIPD).

 


 

Adriana Tochet Wagatsuma é advogada corporativa generalista, com mais de 20 anos de experiência no setor automobilístico; especialista em Direitos difusos e coletivos, pela PUC-SP; cursos especializantes no Data Privacy e na ESA em Direito Digital, Proteção e Privacidade de Dados; bacharel em Direito pela Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo-SP; supervisora de Assuntos Legais e Compliance na Ford Motor Company Brasil Ltda.; responsável da área Jurídica pela implementação da LGPD na Ford Motor Company Brasil

 


 

Adriano Mendes é advogado especializado em Direito Digital, Tecnologia e Empresarial. Sócio fundador do ASSIS E MENDES Advogados, atua em questões que envolvam a Proteção de Dados Pessoais e os desdobramentos jurídicos de novos negócios de tecnologia, bem como das implicações do direito brasileiro aos negócios de empresas nacionais e estrangeiras.

Nomeado como Secretário Geral da Câmara de Mediação e Arbitragem, bem como para o Conselho de Inteligência Jurídica da ASSESPRO-SP para o biênio 2018-2022, atua como jurídico também da Associação Brasileira de Provedores de Hospedagem (ABRAHOSTING).

Anteriormente foi eleito Diretor Nomeado da Internet Society (ISOC)-Brasil no mandato de 2014-2016 e professor de Ética, Direito e Legislação do SENAC/SP.

Além da atuação jurídica, atualmente palestra sobre assuntos empresariais, Proteção de Dados Pessoais (LGPD e GDPR), Direito Digital e de tecnologia jurídica. Possui pós-graduação em contratos pela PUC/SP, MBA em Fusões e Aquisições, LLM Direito e Economia Europeia, além de diversos cursos, no Brasil e exterior, sobre direito digital, sociologia, arbitragem, direito civil e internacional.

 


 

Gustavo Artese é sócio da área de Direito Digital de Viseu Advogados. Graduado pela Faculdade de Direito da UERJ e Master of Laws (L.L.M.) pela Universidade de Chicago. Co-Chair da IAPP KnowledgeNet, Fellow da Information Accountability Foundation (IAF). Indicado no Who’s Who Legal (DATA 2018/19) e reconhecido como Thought Leader pela mesma publicação. Liderou equipes rankeadas pelo Leaders League como “Excelente” em 2017, 2018 e 2019 na prática de proteção de dados. Professor do curso de Direito e Tecnologia da Escola Politécnica da USP. Foi sistematicamente convocado a contribuir no processo de elaboração da Lei Geral de Proteção de Dados brasileira. Coordenador da Comissão de Tecnologia e Sociedade do IBDEE.

 


 

Rafaela Felipe, CIPP/E, é advogada especialista em direito societário pela FGV-SP, mestre em Direto da Economia pela Universidade de Bologna, Itália, e Universidade de Haifa, Israel. Atualmente é Head of Legal e DPO da HiperStream, empresa de tecnologia com atuação global, e está à frente do projeto de adequação da empresa à GDPR e à LGPD.”

 


 

José Antonio Batista de Moura Ziebarth é advogado, consultor em políticas públicas e professor com mais de 15 anos de experiência nas áreas de concorrência, tecnologia & internet, privacidade e anticorrupção na América Latina, América do Norte e Ásia-Pacífico. Nos últimos três anos, foi professor (lecturer) da Universidade de Melbourne, considerada entre as sete melhores faculdades de direito do mundo, e um dos empreendedores do primeiro mestrado integralmente online em direito global da concorrência e do consumidor, lecionando para alunos e gestores públicos de mais de 35 países.

 


 

Guilherme Bueno é engenheiro de computação com especialização em redes e telecomunicações. Empreendedor com mais de 20 anos de experiência em projetos de TI, fundou e esteve na operação de 5 empresas do setor. Atualmente é diretor de tecnologia da Pontus Vision, empresa britânica responsável pelo desenvolvimento da plataforma GDPR utilizada pelo governo do Reino Unido. Participou ativamente do desenvolvimento da plataforma Pontus Vision LGPD e da implantação da filial brasileira.

 


 

Paulo Lilla é doutor e mestre em Direito Internacional pela Universidade de São Paulo (USP). Especialização em Direito e Tecnologia da Informação pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (POLI/USP). Extensão em Direito Digital Aplicado pela Escola de Direito do Estado de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (FGV/EDESP). Foi Visiting Scholar na Stanford Law School (2012). Foi Professor de Direito na Escola de Administração da Fundação Getúlio Vargas (FGV/EAESP). É especialista em Direito Concorrencial, Propriedade Intelectual, Direito Digital e Proteção de Dados.

É Data Protection Officer (DPO) certificado pelo European Centre of Privacy and Cybersecurity (ECPC), da Universidade de Maastricht, possuindo o certificado “ECPC-B Professional Data Protection Officer – DPO”. Autor do livro “Propriedade Intelectual e Direito da Concorrência: Uma abordagem sob a perspectiva do Acordo TRIPS” e de diversas outras publicações acadêmicas e profissionais. É membro do Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP), do Instituto Brasileiro de Estudos sobre Concorrência, Consumo e Comércio Internacional (IBRAC), da Associação Brasileira de Propriedade Intelectual (ABPI), da Associação Brasileira de Direito da Tecnologia da Informação e das Comunicações (ABDTIC) e do International Association of Privacy Professionals (IAPP).

 


 

Myrella Mazzucchelli Dias é a advogada com experiência em empresas multinacionais de tecnologia e vivência profissional internacional. Atualmente compõe o time jurídico da OLX, com expertise em proteção de dados, direito digital e propriedade intelectual. Profissional certificada pela IAPP (CIPP-E), Especialista em Propriedade Intelectual pela FGV/SP e Coordenadora do Grupo de Trabalho de Privacidade e Proteção de Dados da Câmara-e.net.

 


 

Walquiria Favero, superintendente Jurídica, Compliance e Licenciamento na Dasa, com experiência profissional nas empresas Danone, Grupo Votorantim, Camargo Corrêa Cimentos e BASF S.A. Especialista em Contratos pela PUC-SP, MBA em Gestão de Negócios, Comércio e Operações Internacionais pela FIA-Fundação Instituto de Administração, Master in International Management pelo I.A.E. de Grenoble Université Pierre-Mendès-France.